Diante de um cenário econômico com mais de 12 milhões de desempregados e uma elevada taxa de inflação — que faz nosso dinheiro valer menos — muitas pessoas estão em busca de uma renda extra. E a possibilidade de ganhar dinheiro na internet acaba sendo um caminho atrativo.

A tecnologia vem transformando nossa vida em diversos aspectos: a forma como nos relacionamos, compramos e trabalhamos. E o mesmo vale para as maneiras como ganhamos dinheiro, que foram potencializadas diante de uma realidade que não tem limitação geográfica e nos oferece alternativas que sequer imaginávamos ser possíveis tempos atrás.

Vamos explicar como ganhar dinheiro na internet e dar dicas práticas para quem está em busca de opções de renda extra ou procurando se reinventar profissionalmente.

Afinal, é possível ganhar dinheiro com a internet?

De forma resumida e prática, podemos dizer que sim, afinal milhões de pessoas no mundo todo vivem da renda que geram no mundo virtual. Os influencers são prova disso.

Ao divulgar produtos ou serviços de uma marca para sua rede de contatos, eles ganham um valor pelo trabalho e, geralmente, um percentual das vendas feitas a partir da divulgação. É como os garotos-propaganda da TV antigamente, mas com uma possibilidade de alcance consideravelmente maior.

Mas, vale dizer: nem tudo são flores quando a gente fala sobre como ganhar dinheiro na internet. É preciso trabalhar muito e entender as ferramentas disponíveis para, de fato, gerar renda no mundo virtual.

Ficar rico divulgando produtos é para poucos, mas se a sua ideia é fazer uma renda extra ou diversificar suas fontes de renda, temos dicas valiosas para você.

Como ganhar dinheiro na internet? Veja 10 formas

Vamos para a parte prática? Agora que você já entendeu que não é fácil, mas é possível ganhar dinheiro na internet, trouxemos alguns caminhos que você pode seguir para começar a aproveitar as possibilidades oferecidas pelo mundo virtual para gerar renda.

1. Criar um canal no Youtube

Você sabia que o YouTube remunera os criadores de conteúdos que contam com vídeos com um grande volume de visualizações? Funciona assim: você autoriza a plataforma a divulgar propagandas antes ou durante seus vídeos e te paga por isso.

Esse é um caminho válido, mas que exige muita persistência. Afinal, construir uma audiência relevante no YouTube é um trabalho de longo prazo.

2. Trabalhar como redator freelancer

Não é raro ver pessoas com formação em diversas áreas escrevendo textos para internet. Milhares de empresas precisam desse tipo de serviço e, hoje, já existem plataformas que conectam essas instituições aos profissionais que estão disponíveis para produzir conteúdo. 

Se você digitar “redator freelancer” no Google, vai se deparar com uma série de oportunidades nesse sentido.

3. Trabalhar como designer freelancer

O mesmo vale para quem domina as técnicas de Design. O designer freelancer é um profissional muito requisitado pelo mercado e diversas plataformas facilitam o contato entre as empresas e os prestadores de serviço. 

Se você tem conhecimento nas ferramentas de Design disponíveis, vale a pena pensar na possibilidade de trabalhar na área.

4. Vender fotografias, vídeos e músicas

Para quem produz conteúdos audiovisuais, fazer deles produtos também pode ser uma excelente alternativa. Fotógrafos, videomakers e músicos aprenderam a ganhar dinheiro na internet vendendo suas produções. 

Sites como Getty Images, Artlist e Shutterstock unem quem produz esses conteúdos a quem precisa deles e paga uma comissão aos criadores. Além disso, profissionais dessas áreas também podem atuar como freelancers.

5. Montar uma loja virtual

Quem nunca comprou um produto pela internet, não é mesmo? As lojas virtuais vêm se tornando um comércio cada vez mais forte e aí pode estar sua chance de ganhar dinheiro na internet. 

Para isso, você pode usar plataformas digitais criadas com esse objetivo (Shoppe, Elo7, Mercado Livre, entre outras) ou até mesmo colocar suas redes sociais para trabalhar a seu favor.

6. Vender produtos usados

Quando falamos em vender produtos pela internet, não necessariamente precisam ser coisas novas. Muita gente ganha dinheiro a partir da venda de produtos usados. 

Roupas, calçados, mobílias e objetos em geral que estão parados na sua casa podem ser uma fonte de renda para você e basta encontrar uma plataforma que atenda suas necessidades para começar a ganhar dinheiro dessa forma. O Enjoei é uma opção nesse sentido.

7. Dar aulas online

mulher dando aula online renda extra

A internet também facilitou, e muito, o compartilhamento de conhecimento. Agora, você pode compartilhar o que sabe dando aulas online, para pessoas de qualquer lugar do mundo, usando apenas o seu próprio celular, por exemplo. 

E as opções são variadas: aulas de idiomas, de alguma disciplina específica ou até mesmo de técnicas artísticas, como música e bordado.

8. Traduzir textos

Falando em idiomas, o mercado de tradução é um dos que está em alta. Caso você domine outras línguas, pode ajudar diversas empresas na tradução de conteúdos — sendo devidamente remunerado por isso.

9. Testar sites e aplicativos

Receber dinheiro para dar sua opinião também é uma possibilidade. Diversas empresas pagam pessoas que estão dispostas a testar sites e aplicativos e basta uma busca rápida na internet para você encontrar onde pode se cadastrar. 

É importante que você saiba, no entanto, que a lista de espera costuma ser grande e que esse dinheiro não vem tão fácil quanto parece.

10. Participar de programas de afiliados

Funciona assim: você divulga o link de algum produto ou serviço e toda vez que uma compra for feita utilizando esse link, você recebe uma comissão.

Produtos como cursos online, ebooks e viagens podem ser comercializados nesse modelo e basta você encontrar a plataforma de afiliados que faça mais sentido para você.

Cuidado com os golpes virtuais!

As dicas anteriores são válidas e mostram que dinheiro na internet é mesmo uma possibilidade. Porém, precisamos alertar que o mundo virtual também oferece riscos e perigos, por isso, é preciso ter bastante atenção para não ser vítima de golpes na internet.

Confira algumas orientações:

Não clique em links compartilhados por desconhecidos

Mesmo que a mensagem pareça ser para você e faça sentido para a sua realidade, não clique em nenhum link — seja via e-mail, SMS ou WhatsApp — caso você não conheça o destinatário. Golpistas usam essa tática para roubar dados e informações das pessoas.

Busque avaliações de outros usuários

Antes de se cadastrar e começar a utilizar o serviço de qualquer plataforma, procure o que outras pessoas dizem a respeito dela. Sites como o Reclame Aqui são muito úteis nesse processo e podem te ajudar a se livrar de um golpe na internet.

Não compartilhe seus dados pessoais com sites não confiáveis

Acredite: seus dados são o que você tem de mais precioso. Por isso, não saia compartilhando seus dados pessoais por aí e só forneça suas informações nas plataformas com boa reputação e nas quais você confia.

Desconfie de promessas milagrosas

Como dissemos mais acima, ganhar dinheiro na internet não é tão fácil. Por isso, desconfie sempre que alguém disser que é possível transformar a vida fazendo vídeos ou que vender produtos na internet vai te gerar uma receita de seis dígitos. Não tem receita milagrosa e você pode estar sendo vítima de um esquema de pirâmide financeira.

O caminho, como tantos nas nossas vidas, envolve dedicação. E é importante que você busque conhecimentos se estiver interessado em aumentar ou diversificar sua renda. 

O Cresol Instituto, por exemplo, oferece diversos cursos de desenvolvimento profissional. Vale a pena conferir e se inscrever naqueles que estão mais alinhados ao seu perfil e aos seus interesses.

Esperamos que você aproveite as dicas de como ganhar dinheiro na internet de forma segura e cautelosa. Até a próxima!